1 de junho de 2010

Origem de expressões curiosas da língua portuguesa




JURAR DE PÉS JUNTOS

"Mãe, eu juro de pés juntos que não fui eu." A expressão surgiu através das torturas
executadas pela Santa Inquisição, nas quais o acusado de heresias tinha as mãos
e os pés amarrados (juntos) e era torturado pra dizer nada além da verdade. Até
hoje o termo é usado pra expressar a veracidade de algo que uma pessoa diz.

MOTORISTA BARBEIRO
"Nossa, que cara mais barbeiro!" No século XIX, os barbeiros faziam não somente os
serviços de corte de cabelo e barba, mas também, tiravam dentes, cortavam calos,
etc, e por não serem profissionais, seus serviços mal feitos geravam marcas. A
partir daí, desde o século XV, todo serviço mal feito era atribuído ao barbeiro, pela
expressão "coisa de barbeiro". Esse termo veio de Portugal, contudo a associação
de "motorista barbeiro", ou seja, um mau motorista, é tipicamente brasileira.
Postar um comentário